Oposição síria busca apoio da Rússia para sanções ao governo de Assad

15/11/2011 - 12h34

Da BBC Brasil

Brasília - O líder do principal movimento de oposição da Síria, Burhan Ghalioun, está em Moscou hoje (15) para negociar com o chanceler russo, Sergei Lavrov. A Rússia se opõe às sanções internacionais contra a Síria, mas Ghalioun espera persuadir Moscou a mudar de posição.

Em território sírio, fortes confrontos foram registrados ontem (14) entre desertores do Exército e forças do governo, na cidade de Deraa. Ativistas dizem que vários soldados fiéis ao governo morreram e que seus veículos blindados foram destruídos.

Enquanto isso, a mídia estatal síria informa que centenas de prisioneiros foram libertados, como parte da implementação de uma iniciativa de paz do governo do presidente Bashar Al Assad.