CNBB apresenta projeto para alfabetizar 3,5 milhões de jovens e adultos

18/02/2003 - 21h51

Brasília, 18/2/2003 (Agência Brasil - ABr) - O presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Jayme Henrique Chemello, apresentou hoje, ao ministro da Educação, Cristovam Buarque, um projeto para alfabetizar de 3,5 milhões de pessoas. O projeto Rede de Alfabetização e Formação de Jovens e Adultos, elaborado pelo Movimento de Educação de Base (MEB), é uma das maneiras da CNBB participar do programa do governo federal, que prevê a erradicação do analfabetismo em quatro anos.

Com a parceria do Ministério da Educação, a CNBB pretende atender 750 mil pessoas, entre jovens e adultos, por semestre. Serão utilizados como salas de aula os espaços das paróquias, dioceses, universidades e escolas católicas, considerados adequados às finalidades da alfabetização. A idéia é criar trinta mil turmas de 25 alunos e no final de cinco semestres atingir 3, 5 milhões pessoas. A Rede de Alfabetização está inserida, de acordo com Dom Jayme, em dois amplos contextos. O primeiro é o Mutirão Nacional para a Superação da Miséria e da Fome realizado pela CNBB e o segundo, o programa de Erradicação do Ministério da Educação.