Sede do ministério agora é Palácio da Justiça Raymundo Faoro

03/07/2003 - 10h57

Brasília, 3/7/2003 (Agência Brasil - ABr) - O Palácio da Justiça, sede do Ministério da Justiça, agora se chama Palácio da Justiça Raymundo Faoro, em homenagem a um dos principais juristas e pensadores brasileiros, morto no dia 15 de maio, no Rio de Janeiro.

A placa com a nova denominação foi descerrada há pouco pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pelo ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, dentro das comemorações dos 181 anos de história do Ministério da Justiça, o primeiro criado no Brasil.

O ministro destacou a vida profissional de Faoro que, como presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, de 1977 a 1979, denunciou ações do regime militar e defendeu a volta da democracia.

Participam da solenidade os ministros da Educação, Cristovam Buarque; das Cidades, Olívio Dutra; da Integração Nacional, Ciro Gomes; do Trabalho e Emprego, Jaques Wagner; da Assistência e Promoção Social, Benedita da Silva; da Casa Civil, José Dirceu; da Secretaria Especial de Direitos Humanos, Nilmário Miranda; da Secretaria de Aqüicultura e Pesca, José Fritsch; da Secretaria Especial de Política de Igualdade Racial, Matilde Ribeiro; e do Gabiente de Segurança Institucional, Jorge Armando Félix, entre outras autoridades.