Caravana da Anistia homenageia estudantes presos em Ibiúna em 1968

10/10/2008 - 9h10

Da Agência Brasil

Brasília - A 12ª edição das Caravanas da Anistia, que se realiza hoje (10), às 12h, no Memorial da Resistência, em São Paulo, será em homenagem aos estudantes presos durante o 30º Congresso da União Nacional dos Estudantes (UNE), realizado em 1968, em Ibiúna, no interior paulista.Os ministros da Justiça, Tarso Genro, e da Secretaria Especial de Direitos Humanos, Paulo Vannuchi, participam da solenidade de abertura, às 11h. Tamém estarão presentes alguns líderes estudantis da época, como Jean Marc Von der Weid, Wladimir Palmeira, Franklin Martins (atual ministro da Secretaria de Comunicação Social) e José Dirceu.Também serão inaugurados dois painéis em homenagem à data: um com as fotos dos 23 estudantes mortos durante a ditadura militar e outro com a lista dos 719 presos durante o Congresso da UNE em Ibiúna. A caravana integra o projeto Anistia Política: Educação para a Cidadania, Democracia e os Direitos Humanos.