Exportações do agronegócio batem recorde em março

09/04/2008 - 23h14

Danilo Macedo
Repórter da Agência Brasil
Brasília - Asexportações do agronegócio brasileiro atingiram US$ 4,776 bilhões em março esuperaram em 6,4% as de março de 2007. No acumulado dos últimos 12 meses, o valor é recorde, de US$60,5 bilhões. Descontados os US$ 837 milhões em importações, o superávitde março foi de US$ 3,939 bilhões. No primeirotrimestre, os produtos exportados já geraram US$ 13,9bilhões em receitas, um aumento de 17,8% em relaçãoa igual período no ano passado.

Apesarda queda nas receitas de alguns produtos, as dos grandes setores cresceram: carnes, 15,5%; soja, 6,7%; e café, 14,8%, refletindo o aumento nos preços internacionais, segundo o Ministério da Agricultura.

Milho earroz se destacaram pelo crescimento acentuado nas exportações.No primeiro caso, a receita aumentou 154,2%; a quantidade, 117,4%; e os preços, 16,9%. No segundo, um item tradicionalmente importado pelo país, as vendas renderam US$ 12,8 milhões no ano, com aumento de 375,4% no volume e de 38% nos preços.As importações cresceram 9,1% em relação a março do ano passado e 49,5% na comparação com o primeiro trimestre de 2007. O valor neste ano somou US$ 3 bilhões e as altas se devem, principalmente, às compras de trigo, cevada e papel.OsEstados Unidos lideram o destino das exportações do agronegócio, com US$ 450 milhões em março, seguidos pelos Países Baixos, com US$ 420milhões – 13% a mais que há um ano. Apesar do embargoda União Européia à carne bovina in natura, obloco econômico elevou em 6,9% as compras de produtos brasileiros.