Presidente defende, em São Paulo, aprovação da Timemania pelo Congresso Nacional

10/04/2006 - 23h43

Brasília, 10/4/2006 (Agência Brasil - ABr) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse há pouco, em São Paulo, que está na hora de a Timemania ser aprovada no Congresso, para que os clubes de futebol do país recuperem o poder financeiro. "A Timemania é para tentar dar aos times uma condição de sobrevivência, sem a medicância que vivem hoje. Dar também condições de eles ganharem mais recursos pelos jovens que eles formam", afirmou, em discurso na cerimônia de encerramento do Campeonato Paulista de Futebol de 2006.

O projeto de lei que cria a Timemania prevê a criação de uma loteria que vai permitir aos clubes retomarem a capacidade de investimento e financiamento dos times. Para participar da nova loteria, caberão aos clubes contrapartidas como a adesão a programas sociais e a publicação de balanços financeiros.

Na solenidade, Lula foi homenageado com o Grão Colar da Ordem Nacional do Mérito Futebolístico e participou da entrega de medalhas aos jogadores do Santos, o campeão paulista, e do São Paulo, o vice.

O presidente defendeu, também, a realização de mais uma Copa do Mundo de futebol no Brasil. Segundo Lula, a Federação Internacional de Futebol (Fifa) deveria "se curvar diante da importância do futebol brasileliro" e realizar a Copa do Mundo de 2014 no Brasil. "Até agora só fomos campeões nos países dos outros. Está na hora de comemorarmos um título aqui", afirmou o presidente. Ele lembrou que na única Copa realizada no Brasil, em 1950, o Uruguai foi o campeão "e a gente não esqueceu essa derrota até hoje".