one pixel track analytics scorecard

Digite sua busca e aperte enter


A fabricação, distribuição e comercialização de armas de brinquedo estão proibidas em todo o Distrito Federal, a partir de hoje (20/9), data em que foi sancionada a lei com essa restrição.

Imagem:

Compartilhar:

DF proíbe fabricação e comercialização de armas de brinquedo

Criado em 20/09/13 19h36 e atualizado em 20/09/13 19h52
Por Ivan Richard Edição:Fábio Massalli Fonte:Agência Brasil

Lei que proíbe venda de armas de brinquedo é sancionada no DF
A fabricação, distribuição e comercialização de armas de brinquedo estão proibidas em todo o Distrito Federal, a partir de hoje (20/9), data em que foi sancionada a lei com essa restrição. (Roberto Castro/GDF)

Brasília - As empresas do Distrito Federal flagradas fabricando ou comercializando armas de brinquedo poderão ter a licença de funcionamento cassada e ter que pagar multa de até R$ 100 mil. É o que prevê lei sancionada hoje (20) pelo governador Agnelo Queiroz.

Leia também:

Pais devem evitar presentear filhos com armas de brinquedo, diz pedagoga

Educadora dá dicas para desenvolver a psicomotricidade fina com alunos autistas

Com a nova legislação, que será publicada no Diário Oficial na segunda-feira (23), o Distrito Federal passa a ser o primeiro ente da federação a proibir a fabricação e comercialização de armas de brinquedo.

Além das réplicas das armas de fogo, também passam a ser proibidas na capital do país brinquedos que disparem balas, bolinhas, espumas, luzes a laser, que produzam sons ou projetem qualquer substância que faça associação às armas de fogo.

Para Agnelo, a proibição pode afastar os jovens e adolescente do universo das armas. “Se nossas crianças são educadas na cultura de não violência, quando chegarem à adolescência e forem apresentadas às armas terão todo o conhecimento para evitá-las e isso é um exemplo que queremos levar para todo o Brasil", disse o governador.

A lei sancionada hoje também prevê ações educativas, com a Semana do Desarmamento Infantil, que ocorre em todo o DF, sempre na segunda semana de abril.

Edição: Fábio Massalli

Creative Commons - CC BY 3.0

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Fazer uma Denúncia Fazer uma Reclamação Fazer uma Elogio Fazer uma Sugestão Fazer uma Solicitação Fazer uma Simplifique

Deixe seu comentário