one pixel track analytics scorecard

Digite sua busca e aperte enter


O presidente da Rússia, Vladmir Putin

Imagem:

Compartilhar:

Rússia atribui crise na União Europeia a benefícios sociais "excessivos"

Criado em 14/06/13 09h19 e atualizado em 14/06/13 09h30
Por © Agência Lusa

Vladmir Putin
“Muitas vezes estar desempregado é mais rentável do que trabalhar”, critica Vladimir Putin (Presidential Press and Information Office/CC

O presidente russo, Vladimir Putin, afirmou nesta sexta-feira (14) que a atual crise na União Europeia (UE) deve-se a benefícios sociais excessivos em alguns países europeus, que "vivem acima das possibilidades".

Numa entrevista publicada pela agência RIA Novosti, Putin referiu-se às causas da crise econômica na UE, dizendo que “muitos países europeus têm se desenvolvido de apoio social” e que “muitas vezes estar desempregado é mais rentável do que trabalhar”, situação que “ameaça não só a economia, mas também os fundamentos morais da sociedade".

Putin disse que “não é segredo que muitos cidadãos de outros países menos desenvolvidos vão para a Europa para usufruir dos benefícios sociais.”

“Ineficácia é a palavra-chave”, referiu o presidente russo, acrescentando que as consequências que atingiram a Europa se devem ao fato dos países “viverem acima das possibilidades, perderem controlo sobre a saúde da economia e dos desvios estruturais.”

Ao mesmo tempo, Putin defendeu o modelo europeu de Estado Social e negou que os países da UE devam escolher entre seu modelo atual do compromisso para a competitividade econômica em detrimento dos aspetos sociais.

“A cobertura social dos cidadãos é uma das funções do Estado, e renunciá-la é ameaçar a própria existência do Estado” disse o líder russo.

Putin acredita que “é muito cedo para enterrar o modelo social europeu”, apesar “dos principais países líderes europeus levarem a cabo reformas estruturais para aumentar a competitividade das suas economias”.

Creative Commons - CC BY 3.0

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Fazer uma Denúncia Fazer uma Reclamação Fazer uma Elogio Fazer uma Sugestão Fazer uma Solicitação Fazer uma Simplifique

Deixe seu comentário