Governo do Rio quer reduzir em 6,33% índice de homicídios a cada semestre

08/02/2010 - 21h30

Vitor Abdala
Repórter da Agência Brasil
Rio de Janeiro - A Secretaria de Segurança do Rio de Janeiro informouhoje (8) que espera reduzir em 6,33% o índice de homicídios no estado acada semestre pelos próximos anos. O anúncio foi feito no mesmo dia emque o Instituto de Segurança Pública (ISP) divulgou os dados decriminalidade de 2009. Eles mostraram que o estado não conseguiu atingir a meta deredução de 11,7% no número de homicídios, prevista pela Secretaria deSegurança para o segundo semestre do ano passado. O estado doRio conseguiu reduzir o número de assassinatos em apenas 9%,na comparação do segundo semestre de 2009 com o mesmo período de 2008.“Reduzir uma taxa de 6% de homicídios num estado como o Rio de Janeiro,de um ano para o outro não é simples. Por isso, nós entendemos que11,7% estavam realmente muito ousados. Agora 6,3% também não serãofáceis de se atingir. Entretanto, precisamos ter um horizonte para se atingir”, disse o subsecretário de Planejamento da Secretaria de Segurança, Roberto Sá.Como a taxa de homicídios no Rio de Janeiro foide 34,6 por 100 mil habitantes em 2009, caso o governo consiga cumprir ameta de 6,33% nos próximos semestres, o estado chegará a uma taxa dehomicídios de 24,9 por 100 mil habitantes em 2014, ano da realização da Copa do Mundo no Brasil, e de 21,9 por 100 mil habitantes em2016, ano das Olimpíadas do Rio de Janeiro.O índice que a secretaria espera atingir até a Copa do Mundo e as Olimpíadas será baixo para o padrão do Rio de Janeiro nosúltimos 20 anos, mas ainda representa quase o dobro da taxa dehomicídios registrada atualmente por São Paulo, que é de cerca de 11por 100 mil habitantes. “Mas essa taxa ainda vai estar longe do que consideramos ideal para o Rio de Janeiro. A gente não pode também querer ter uma taxa inatingível”, disse Roberto Sá.