Pentágono: até 500 iraquianos podem ter morrido na maior batalha terrestre

25/03/2003 - 22h12

Brasília, 25/3/2003 (Agência Brasil - ABr) - A TV americana CNN informou que o Pentágono divulgou agora à noite que entre 300 a 500 iraquianos foram mortos em confronto na cidade de Najaf, situada a 160 quilômetros de Bagdá. Essa seria a maior batalha terrestre desde o inicio do conflito.

Não há informações sobre baixas do lado aliado. A pouca visibilidade imposta pela tempestade de areia, segundo as fontes do Pentágono, estaria dificultando a identificação dos soldados iraquianos. Não se sabe se a luta foi contra a Guarda Republicana, a milícia paramilitar Mártires de Saddam, membros do partido Baath, de Saddam, ou unidades do Exército regular que teriam se deslocado. As forças aliadas também tiveram dificuldade para avaliar como estão equipados os iraquianos.