centrais de triagem http://memoria.ebc.com.br/agenciabrasil/taxonomy/term/163653/all pt-br Coleta seletiva deve chegar a 104 bairros do Rio neste ano http://memoria.ebc.com.br/agenciabrasil/noticia/2013-06-05/coleta-seletiva-deve-chegar-104-bairros-do-rio-neste-ano <p><img alt="" src="http://memoria.ebc.com.br/agenciabrasil/sites/_agenciabrasil/files/imagecache/300x225/gallery_assist/23/gallery_assist722303/prev/ABr050613_TNG8221.jpg" style="width: 300px; height: 225px; float: right; margin: 7px;" />Vin&iacute;cius Lisboa<br /> <em>Rep&oacute;rter da Ag&ecirc;ncia Brasil</em></p> <p> Rio de Janeiro - A prefeitura do Rio de Janeiro apresentou hoje (5), Dia do Meio Ambiente, os novos caminh&otilde;es e garis que ser&atilde;o usados para tentar levar a coleta seletiva na cidade a 5% do lixo aproveit&aacute;vel ainda neste ano. A meta &eacute; inaugurar tr&ecirc;s centrais de triagem e levar o servi&ccedil;o a 104 bairros em 2013.</p> <p> Atualmente, 44 bairros cariocas contam parcialmente com a coleta seletiva, que atinge 1,4% do lixo recicl&aacute;vel. Como a <strong>Ag&ecirc;ncia Brasil</strong> j&aacute; havia antecipado, em 2016, a Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb) <a href="http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-05-17/rio-quer-selecionar-25-do-lixo-ate-2016" target="_blank">quer aumentar esse percentual para 25%</a>. Com os novos caminh&otilde;es, de cor azul, e os garis contratados para se dedicarem exclusivamente a esse servi&ccedil;o, esses bairros ficar&atilde;o totalmente cobertos ainda neste m&ecirc;s, segundo o Executivo muncipal. &quot;A prefeitura e a Comlurb deviam isso &agrave; cidade&quot;, disse o prefeito Eduardo Paes.</p> <p> Ao todo, ser&atilde;o 144 novos garis e 24 novos caminh&otilde;es dedicados &agrave; coleta seletiva, que ser&aacute; ampliada de pouco de 2 mil para 9,5 mil ruas da cidade, envolvendo 2,6 milh&otilde;es de habitantes, de um total de 6 milh&otilde;es. Dos novos garis, 85% ser&atilde;o mulheres.</p> <p> <img alt="" src="http://memoria.ebc.com.br/agenciabrasil/sites/_agenciabrasil/files/imagecache/300x225/gallery_assist/23/gallery_assist722303/prev/ABr050613_TNG8189.jpg" style="width: 300px; height: 225px; float: left; margin: 7px;" />O prefeito do Rio destacou que &eacute; necess&aacute;rio o engajamento da popula&ccedil;&atilde;o e disse que, em seu primeiro mandato, concentrou-se em extinguir o Lix&atilde;o de Gramacho, que ficava em Duque de Caxias e recebia grande parte do lixo da cidade, que agora tem como principal destino o Aterro de Serop&eacute;dica. A coleta seletiva no Rio tem financiamento de R$ 22 milh&otilde;es do Banco Nacional do Desenvolvimento Econ&ocirc;mico e Social (BNDES), anunciado em 2011.</p> <p> &quot;A gente perdeu muito tempo. Eu dediquei meu primeiro governo a acabar com a vergonha maior que era o Lix&atilde;o de Gramacho &agrave;s margens da Ba&iacute;a de Guanabara. Agora, depois de ter organizado o destino final do nosso lixo, [vamos] olhar para o futuro e ter coleta seletiva como uma cidade com um ativo ambiental que o Rio tem&quot;, acrescentou o prefeito. Ele disse que, por causa desse atraso, as metas precisam ser ousadas.</p> <p> Cada caminh&atilde;o contar&aacute; com um <em>palmtop</em> em que ser&atilde;o registradas informa&ccedil;&otilde;es sobre a coleta, como a ades&atilde;o dos moradores. Quem n&atilde;o aderir ser&aacute; notificado uma primeira vez, por meio de um selo que ser&aacute; colado ao saco de lixo, que n&atilde;o ser&aacute; recolhido. Na segunda notifica&ccedil;&atilde;o, um agente da Comlurb far&aacute; uma visita de conscientiza&ccedil;&atilde;o, explicando detalhes do projeto e advertindo que, na terceira, haver&aacute; multa, cujo valor ainda est&aacute; em estudo. Os <em>palmtops</em> est&atilde;o em fase de teste e devem come&ccedil;ar a ser usados em julho.</p> <p> Um sistema informatizado vai monitorar a coleta e o processamento do lixo nas centrais de reciclagem, gerando informa&ccedil;&otilde;es como a economia de &aacute;gua e de energia e a redu&ccedil;&atilde;o nas emiss&otilde;es de g&aacute;s carb&ocirc;nico.</p> <p> Para trabalhar nas centrais de reciclagem, catadores de 28 cooperativas ser&atilde;o capacitados pelo Servi&ccedil;o Nacional de Aprendizado e Cooperativismo (Sescoop), com aulas pr&aacute;ticas e te&oacute;ricas que devem come&ccedil;ar em julho e durar dois meses. Al&eacute;m de instru&ccedil;&otilde;es como operar as m&aacute;quinas da central, os alunos aprender&atilde;o no&ccedil;&otilde;es de gest&atilde;o, contabilidade e seguran&ccedil;a no trabalho focadas em cooperativas. At&eacute; 1,5 mil catadores devem ser preparados, sendo at&eacute; 500 neste ano, para atuar nas tr&ecirc;s centrais previstas para serem inauguradas at&eacute; dezembro.</p> <p> A primeira a entrar em funcionamento ser&aacute; a de Iraj&aacute;, que j&aacute; est&aacute; pronta. Gamboa, Penha, Bangu, Campo Grande e Vargem Grande tamb&eacute;m receber&atilde;o centrais de triagem, totalizando seis.</p> <p> <em>Edi&ccedil;&atilde;o: Juliana Andrade</em></p> <p><em>Todo o conte&uacute;do deste site est&aacute; publicado sob a Licen&ccedil;a Creative Commons Atribui&ccedil;&atilde;o 3.0 Brasil. Para reproduzir a mat&eacute;ria &eacute; necess&aacute;rio apenas dar cr&eacute;dito &agrave; <strong>Ag&ecirc;ncia Brasil </strong></em></p> aterros bairros caminhões de lixo centrais de triagem coleta seletiva Dia do Meio Ambiente garis Meio Ambiente prefeitura reciclagem rio de janeiro Wed, 05 Jun 2013 19:23:42 +0000 julianas 722302 at http://memoria.ebc.com.br/agenciabrasil