Contribuintes do INSS podem calcular dívida pela internet

22/06/2003 - 10h36

Brasília, 22/6/2003 (Agência Brasil - ABr) - O contribuinte individual da Previdência Social (autônomo), o contribuinte facultativo (estudante e dona-de-casa), o empregado doméstico e o segurado especial (trabalhador rural que produz em regime de economia familiar) que tiverem contribuições em atraso podem calcular o valor do débito pela internet, com juros e multa, e imprimir a Guia da Previdência Social (GPS) para pagamento na rede bancária.

Para isso, basta acessar o site www.mps.gov.br, clicar no link "segurado". Em seguida, deve clicar em "contribuições" e optar por "contribuintes filiados à Previdência Social antes de 29/11/99" ou "contribuintes filiados à Previdência Social a partir de 29/11/99", conforme a situação.

Depois de informar qual a categoria (se autônomo, por exemplo) e o número do NIT/PIS ou Pasep, o segurado deve clicar em "calcular contribuição" e seguir as instruções, como digitar o mês em atraso, o valor da remuneração etc. No mesmo instante, o sistema calcula o valor do débito e oferece a opção de emitir a GPS. Após isso, é só imprimir a guia, que já vem com os valores a serem pagos, e efetuar o pagamento em uma agência bancária.

Ainda no item "contribuições", o segurado pode calcular restituições que tenha a receber (em casos de contribuições a maior), obter declaração de regularidade para com a Previdência Social e extrato de recolhimentos. Também é possível realizar cálculos para a regularização de obras de construção civil e, no caso dos contribuintes individuais, solicitar o débito das prestações previdenciárias em conta corrente. (NR/JEF)