Estudantes já podem obter extrato do Fies em terminais da Caixa

11/03/2002 - 16h48

Brasília, 11 (Agência Brasil - ABr) - Os estudantes universitários participantes do Financiamento Estudantil (FIES) contarão, a partir dessa terça-feira (12/03), com o extrato do seu financiamento disponível para consulta nos terminais de auto-atendimento da Caixa Econômica Federal. Com esse extrato, o estudante poderá acompanhar a evolução do seu contrato, verificando informações sobre o saldo devedor, a última prestação paga, o valor e a data de pagamento. Para obter o extrato, basta o estudante utilizar o Cartão do Cidadão nos caixas eletrônicos das agências da Caixa.

Ao assinar o contrato do FIES, o estudante é automaticamente cadastrado no PIS. Com esse número, ele pode obter um Cartão do Cidadão. A Caixa já enviou 63.800 cartões para participantes do FIES e enviará, nos próximos meses, outros 88.200, alcançando os 152.000 estudantes do programa.

O Cartão do Cidadão é um instrumento da Caixa que democratiza o acesso de todos os brasileiros aos seus benefícios sociais. Com o Cartão do Cidadão pode-se também receber o Abono Salarial, os Rendimentos do PIS e sacar o FGTS nos terminais da Caixa e na rede de 8.500 lotéricas espalhadas pelo país. Além disso, o cartão dá acesso às informações como saldos e extratos de todos esses programas. O Cartão do Cidadão é oferecido gratuitamente. Caso o estudante ou trabalhador não possua o cartão, a solicitação poderá ser feita em qualquer agência da Caixa.

O FIES foi criado em 1999 com o objetivo de proporcionar acesso ao ensino superior para estudantes que não têm condições de arcar integralmente com as mensalidades de seu curso. Desde a sua criação, o FIES já beneficiou 152 mil universitários, com a aplicação de R$ 885 milhões.

Para obter o Financiamento, os estudantes, regularmente matriculados em cursos de graduação não-gratuitos e que tenham sido cadastrados no programa, participam de processo seletivo, que ocorre semestralmente. Os critérios de seleção levam em consideração o perfil socioeconômico - renda, número de membros da família, condições de moradia e o nível de escolaridade do candidato e, ainda, a existência de doença crônica ou outro estudante de faculdade paga no grupo familiar. Além disso os cursos de licenciatura - História, Geografia, Matemática, Física, Química, Biologia, Ciências, Letras e Educação - têm prioridade.

O percentual de financiamento é escolhido pelo estudante no ato da inscrição, obedecendo ao limite máximo de 70% do valor da mensalidade cobrada pela instituição de ensino. A taxa de juros é de 9% ao ano, sendo fixa por todo o período de vigência do financiamento.

O Programa proporciona aos universitários e faculdades enorme facilidade em função de realizar todo o processo pela Internet, desde a adesão das faculdades até a inscrição e divulgação da classificação dos estudantes. "A Caixa investiu em tecnologia para oferecer transparência, segurança e agilidade no atendimento aos estudantes e às instituições de ensino superior", explica José Renato Corrêa de Lima, diretor de Transferência de Benefícios da Caixa.

O FIES iniciou em 25 de fevereiro mais um processo seletivo. O período de inscrições para o 1º Semestre de 2002 acontece até o dia 22 de março próximo, sendo que as inscrições podem ser feitas somente pela Internet. Nesse semestre, serão selecionados 30 mil novos estudantes.