Bolívia conhece a experiência brasileira em licitação de linhas de transmissão

27/02/2002 - 12h43

Brasília, 27 (Agência Brasil - ABr) - Técnicos da Superintendência Nacional de Eletricidade da Bolívia - a agência reguladora do setor elétrico daquele país, estão na Aneel desde ontem (26) conhecendo a experiência brasileira na área de licitação de linhas de transmissão. Pela primeira vez a Bolívia, que tem apenas um empreendedor operando nesse campo, licitará a construção de linhas que agregarão 500 quilômetros à malha boliviana, de 2.500 quilômetros de extensão.

O trecho a ser licitado corresponde a menos da metade dos 5.600 quilômetros de linhas programadas pela Aneel para irem a leilão ainda este ano. Segundo o engenheiro Marcelo Tardío Arze, integrante da delegação boliviana, a experiência da Aneel para eles é muito importante, considerando que o Brasil é o país da América Latinha que mais licita linhas de transmissão. A reunião dos técnicos brasileiros e bolivianos termina hoje.